O Livro do Boni – livro de José Bonifácio de Oliveira Sobrinho



Autor: José Bonifácio de Oliveira Sobrinho
Editora: Casa da Palavra
Compre no Submarino

O Livro do BoniContando a história de José Bonifácio de Oliveira Sobrinho, o Boni, esse livro autobiográfico fala sobre como o ex-diretor da Rede Globo começou sua carreira no ramo da comunicação, começando no rádio em 1950, ingressando na televisão em 1952, na TV Tupi de São Paulo. Foi diretor da TV Paulista, TV Rio, TV Excelsior, TV Tupi e Rede Globo, onde permaneceu como consultor da emissora até 2001.

Responsável pela criação da televisão brasileira que conhecemos hoje, foi Boni quem ditou um padrão de excelência que colocou a produção televisiva nacional em alta, também foi ele que inventou o “Plim-Plim”, com o logotipo da emissora, no intervalo dos filmes, além de batizar Inúmeros nomes e lançar grandes nomes da televisão brasileira como Regina Duarte, Chico Anysio, Daniel Filho, Tarcísio Meira, Glória Menezes, Débora Duarte e Tony Ramos

Em meio a tantas histórias – muitas engraçadas e curiosas - alguns personagens que fizeram parte da trajetória de Boni destacam-se por sua peculiaridade, só para lembrar de alguns: Dercy Gonçalves, Chacrinha, Jô Soares, Chico Anysio, Daniel Filho, Faustão, Armando Nogueira e a Família Marinho. Alguns desses até ganham capítulos especiais, onde Boni procura contar também suas origens – mesmo que seja contando sobre a concorrência.

Nascido no interior de São Paulo e começando muito cedo na publicidade, passando pelo rádio e por fim na tevê, ”O Livro do Boni” é uma boa sugestão de leitura para quem gerencia ou quer ser líder em negócios ou instituições. A forma incansável em dar sentido a sua carreira fazendo diferença por onde passa são pontos de destaque nessa história.

Livros

Um comentário para “O Livro do Boni – livro de José Bonifácio de Oliveira Sobrinho”

  1. josé luiz fazzio says:

    Se for possível, encaminhem este email para o Boni. Obrigado.
    Querido Boni
    Meu nome é Luiz Fazzio. Sou filho de um amigo seu, o Fazzio, que trabalhou contigo em propaganda. Sou diretor de arte. acabei de ler seu livro. Como falavam nos anos dourados da propaganda, achei de um grande caral… Conheçi, através do meu pai, muitas pessoas que vc cita no livro. O Alex (passarão), o Guga seu mano, o Sergio Toni (que é maravilhoso batendo papo) o Dagô que meu pai gravou em casa num gravador de rôlo Akai, vários cases de jingles, onde muitos deles, vc tinha feito com ele, o Jatobá com aquele timbre walt disney, o Magaldi entre outros. Foi uma viagem maravilhosa e uma lição de vida. Devorei o livro em 4 dias. Fui testemunha de várias campanhas e te confesso que hoje, o nível criativo está muito baixo. Vejo os festivais, os filmes premiados e acho muito chato, sem emoção, sem humor, sem tesão. Muitos deles não entendo como são aprovados e fico imaginando a apresentação para o cliente. Como são mostrados. Como são aprovados.
    Agora um pedido. Seria mágico poder conversar contigo pessoalmente, primeiro para te dar os parabéns pela linda obra e também te ouvir só um pouquinho aovivo e a cores para aprender um pouco mais sobre a vida. Um grande beijo no seu coração e tenha toda a felicidade e o sucesso do mundo, porque você merece.
    Valeu grande Boni.

    Luiz fazzio

    res 11 26921992
    cel 11 8516 3323
    email luizfazzio@hotmail.com
    blog; cheffazzio.com (sou amante da boa comida nas horas vagas)