A Hora da Estrela – livro de Clarice Lispector



Autor: Clarice Lispector
Editora: Rocco
Compre no Submarino

Livro "A Hora da Estrela", de Clarice LispectorO livro “A Hora da Estrela”, de Clarice Lispector, tem como enredo principal as desventuras de Macabéa, uma moça sonhadora e ingênua, recém-chegada do Nordeste na cidade do Rio de Janeiro. Com o choque cultural e as descobertas de valores de vida diferentes que enfrenta, ela vai se habituando à vida na cidade grande. Macabéa leva uma vida bastante simples e sem grandes emoções ou acontecimentos. Então começa a namorar Olímpico de Jesus, que por sua vez não vê nela nenhuma chance de ascensão social ou de melhora de condição de vida. Assim, como era de se esperar, abandona Macabéa para ficar com Glória, que era colega de trabalho dela, e cujo pai era açougueiro, o que fez o ambicioso nordestino em cogitar a possibilidade de melhora financeira e social.

Macabéa começa então a sentir dores constantes e decide ir ao médico. Lá ela descobre que está com tuberculose, porém mantém isso em segredo. Glória então percebe a tristeza da colega e a aconselha a buscar consolo e, quem sabe, esperança com uma cartomante. Essa cartomante, Madame Carlota, prevê nas cartas um futuro feliz, que seria fruto de um relacionamento com um homem loiro e estrangeiro que ela conheceria assim que ela saísse daquela casa e até se casaria. De certa maneira, é o que vem a acontecer, pois ao sair da casa da cartomante, Macabéa é atropelada por uma Mercedes amarela, que era guiada por esse “gringo loiro”. O problema é que ela cai no asfalto e morre, dando um fim trágico a história.

“A Hora da Estrela” pode até ter um enredo simples, sem grandes surpresas ou mistérios, mas de uma maneira geral, o que fez este livro se tornar um grande sucesso foram as suas inúmeras possibilidades de interpretações e análises. Para se ter uma ideia, um dos principais “personagens”, e que se destaca durante a história, é Rodrigo S. M. (o narrador). Em nenhum momento, Rodrigo e Macabéa fazem parte do mesmo espaço periférico, ela por sua condição de retirante e ele por ser visto com maus olhos pela classe média e não conseguir em nenhum momento alcançar pessoas como Macabéa.

Toda a temática do texto é usada para se explicar no final. Rodrigo acaba priorizando bastante o relato dos recursos textuais para falar de Macabéa, que de maneira irônica só ganha papel de destaque perto da hora de sua morte. É nesse ponto que fica claro o significado do título: é como a autora define a hora da nossa morte, pois é nesse momento, que o ser humano deixa de ser invisível às pessoas, que percebem então que ele existe apenas quando já não existe mais de fato.

Neste livro, Clarice adota discurso regionalista, algo até certo ponto incomum em suas obras. Através da personagem, a autora busca descrever uma nordestina que busca escapar da miséria e do subdesenvolvimento de sua região, abandonando Alagoas na busca de possibilidades de melhores condições de vida na cidade do Rio de Janeiro. A autora foi diversas vezes criticada por se afastar da literatura regional, que era característica emergente do estilo modernista.

Clarice Lispector

Nascida na Ucrânia, mas naturalizada no Brasil, Clarice Lispector é uma das autoras que mais se destacou no cenário literário e cultural brasileiro, onde seu fascínio continua até os dias de hoje. Ela teve uma vida bastante produtiva, com inúmeras obras de grande valor literário publicadas e que até hoje são referência ao seu estilo único de escrever e falar de emoções e sentimentos, seu tema preferido.

Livros
Sem comentários para “A Hora da Estrela – livro de Clarice Lispector”

Deixe um comentário