As Crônicas de Nárnia: A Última Batalha – livro de C.S. Lewis



Autor: C.S. Lewis
Editora: Nacional
Compre no Submarino As Crônicas de Nárnia: A Última BatalhaSétimo e último livro da série “As Crônicas de Nárnia”, escrita pelo escocês C.S. Lewis, a obra “A Última Batalha” nos conta sobre o macaco, Manhoso, e seu amigo, o burro Confuso, que influenciado pelo ambicioso amigo, veste uma pele de leão que ambos acharam e finge que é Aslam, com a farsa os dois ficam muito conhecidos e ricos, eles então vão à Calormânia e encontram-se com o imperador de lá, afirmando-lhe que ele deverá tomar Nárnia do Rei Tirian, um descendente distante do Príncipe Caspian, a partir desse ponto é narrada a última aventura de três do irmão Pevensie, Jill e Eustáquio. Quando o ambicioso macaco Manhoso consegue convencer Confuso, um burro, a vestir-se em uma pele de leão e fingir ser Aslam, os dois conseguem convencer alguns narnianos e momentaneamente o Rei Tirian de que o grande Leão de Nárnia estaria de volta. Mas, Manhoso e Confuso tentam tirar proveito da situação e começam à cobrar tributos dos narnianos para 'O Tesouro de Aslam' que, segundo eles, ajudaria o povo de Nárnia durante tempos de necessidade. Os dois animais então fazem um acordo com os calormanos, dizendo-lhes que eles poderiam invadir Nárnia se lhes dessem todas as regalias requisitadas. Com os calormanos invadindo e destruindo o Ermo do Lampião, o Rei Tirian luta contra eles e em desvantagem de entrega, conseguindo contatar os amigos de Nárnia na Inglaterra, Pedro, Lúcia, Edmundo, Jill, Eustáquio, Digory e Polly, que decidem usar os anéis mágicos (usados em “O Sobrinho do Mago”) que estão na casa de Digory Kirke. Indo até lá, todos menos Susana, que não acreditava mais em Nárnia e estava mais preocupada com coisas materiais, sofrem um terrível acidente de trem, e Jill e Eustáquio vão parar em Nárnia logo após. Chegando lá, Jill e Eustáquio descobrem sobre a guerra entre Nárnia e a Calormânia, logo ajudam o Rei Tirian e seu cavalo, Precioso, a escapar e todos se preparam para a batalha contra a Calormânia. No meio da batalha, Jill, Eustáquio, Tirian e o líder dos calormanos, Rishda Tarkaan, vão parar no estabulo onde o falso Aslam é mantido trancado, de repente uma áurea misteriosa aparece e engole Manhoso e mata Tarkaan, ele é Tash, o deus pagão dos calormanos que é representado como muito mal, ele porém é expulso por Aslam, que aparece e decreta o fim de Nárnia, abrindo as portas do “País de Aslam” para todos aqueles que eram fiéis a ele. O leão então acorda um gigante adormecido chamado Tempo, ele retira as estrelas do céu, dragões comem tudo a vegetação e a terra treme, por fim o sol fica débil e fraco, todas as criaturas boas vão para o País de Aslam para viverem eternamente felizes. Jill, Eustáquio então se encontram com Lúcia, Pedro e Edmundo, que agora tem a aparência que tinham durante a “Era de Ouro”, além de Digory e Polly, que estão jovens de novo, Aslam então os informa com pesar que eles irão para seu país e nunca mais voltarão à Inglaterra, pois todos eles morreram durante o acidente de trem que acontecera anteriormente, apenas Susana, que havia parado de acreditar em Nárnia havia sobrevivido, apesar do choque, todos vão para o País de Aslam com grande felicidade, que segundo o leão, é onde as verdadeiras aventuras irão começar.
Livros
Sem comentários para “As Crônicas de Nárnia: A Última Batalha – livro de C.S. Lewis”

Deixe um comentário